Revolução Industrial

A Revolução Industrial é para nós Detetives, resumida em algumas “palavras-chave”, são elas:

-“Inglaterra”;

-“transformação”;

-“maquinofatura”;

– “máquina a vapor”;

-“liberalismo econômico”;

-“nova divisão de trabalho”

-“racionalização do trabalho” .

 

A Revolução Industrial teve seu estopim na Inglaterra, no final do século XVIII, onde uma série de transformações, tanto no âmbito econômico quanto no social, um influenciando diretamente no outro, transformando e aumentando a capacidade da produção; a máquina a vapor eficientemente mudou a mineração, a metalurgia, a tecelagem, entre outras atividades.

Não se engane, estas mudanças não ocorreram de uma hora para a outra, vinham em formação desde a Época Moderna e também não tão fácil, pois mesmo com um comércio tecnologicamente avançado, a Inglaterra ás vezes importava mais do que exportava, criando uma desproporcionalidade.

Alguns livros didáticos e historiadores fragmentam a Revolução Industrial em dois pedaços:

Primeira Revolução Industrial à está entre o final do século XVIII e a década de 1830, sendo que as maiores mudanças foram na área do sistema fabril ligado a produção de tecido de algodão.

Segunda Revolução Industrial à o ápice foi a partir de 1850 e a principal mudança foi na parte da metalurgia, principalmente na produção do ferro e construções de ferrovias.

No decorrer do tempo, Adam Smith, grande personagem histórico, criou sua teoria do liberalismo econômico, onde o estado não interviria na economia, fazendo com que, mais do que nunca, a Inglaterra, com seu pioneirismo comercial, evoluísse ainda mais seu comércio.

A nova divisão do trabalho tem a ver com as fábricas, com o regime de trabalho implantado a partir desta nova ferramenta de produção, calcula-se que as horas diárias de um trabalhador chegavam a 12 horas, preços baixos e tecidos de qualidade, faziam com que a Inglaterra, estimulasse seu comércio.

-Texto produzido pelos Detetives da História, a partir da leitura do Cap.6 de nosso livro didático.

Enfim, para terminar, um breve conceito sobre o que foi a Revolução Industrial, retirado do site Nota Positiva, que achamos interessante, principalmente pelo fato de ser uma outra fonte, não sendo o nosso livro didático.

Revolução Industrial –

A expressão “Revolução Industrial” refere-se ao conjunto de transformações técnicas e econômicas que se iniciaram em Inglaterra na segunda metade de século XVIII e que ao longo do século XIX se espalharam por praticamente toda a Europa e América do Norte. A invenção da máquina a vapor e a sua posterior aplicação à indústria e aos transportes é considerada como a grande causa do despoletar da Revolução Industrial. De fato, foi a máquina a vapor que provocou a rápida e drástica alteração dos modos de produção, nomeadamente a passagem da manufatura para a maquinofatura e o surgimento de técnicas de organização e racionalização do trabalho e de produção em massa.

Fontes:  notapositiva.com e Livro Didático – História – Ensino Médio de Ronaldo Vainfas, Sheila de Castro Faria, Jorge Ferreira e Georgina dos Santos

 

Por: DetetivesDaHistoria

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s